Um especialista em gente - TGI Consultoria

Um especialista em gente

Qualidade, produtividade e competitividade são as exigências principais do mundo contemporâneo para as empresas que querem sobreviver e crescer.
E uma coisa é certa: para conseguir qualidade, produtividade e competitividade, é imprescindível estabelecer compromissos com as pessoas encarregadas da produção e da venda dos bens e serviços oferecidos ao mercado, ou seja, as equipes de trabalho nas empresas.
A construção de compromissos com resultados de qualidade é uma tarefa permanente do desenvolvimento da equipe, cuja responsabilidade, indelegável, é do gerente.
Em qualquer circunstância e em qualquer tipo de empreImagem 27.bmpsa ou organização, o principal alvo de atuação do gerente são as pessoas que ele coordena – a sua equipe de trabalho.

Por isso, numa visão contemporânea, um gerente competitivo é, essencialmente, um especialista em gente.

Ser um especialista em gente exige do gerente capacidade de compreender, em toda a sua amplitude, a realidade da vida das equipes nas empresas – as redes de poder, os vínculos, os projetos e as questões não explícitas, comumente desconsideradas nas relações de trabalho, mas com grande capacidade de mobilizar emperramentos.
Ser um especialista em gente coloca o gerente no lugar daquele que coordena a construção das condições necessárias para realização do trabalho da equipe e, também, como alguém capaz de cobrar, com autoridade, os resultados requeridos e a qualidade necessária.
Afinal de contas, a principal responsabilidade do gerente não é fazer as coisas mas, sim, fazer com que outros as façam. Daí a necessidade de ser um especialista no seu principal fator de produção: as pessoas. Portanto, um especialista em gente para produzir resultados.