helder, Autor em TGI Consultoria

Author name: helder

Que o Ano Novo, essa genial invenção humana, seja bom para cada um e para o país

Ao chegar o final do ano, mais do que em qualquer outra época, sentimos a força da divisão do tempo. Uma incrível invenção do gênio humano, como destaca com notável propriedade o grande poeta brasileiro Carlos Drummond de Andrade, em oportuna citação do secretário da Educação do Estado de São Paulo, Gabriel Chalita (Folha de S. Paulo, 14.02.2005):

Que o Ano Novo, essa genial invenção humana, seja bom para cada um e para o país Read More »

Pesquisas apontam dificuldades para cenário re-eleitoral do presidente Lula

Até meados do primeiro semestre de 2005, o presidente Lula era imbatível para sua própria sucessão. Todos os analistas davam a reeleição praticamente como favas contadas. Foi então que sobreveio a crise política e tudo mudou. As últimas pesquisas CNI e Datafolha mostram, com muita clareza, as conseqüências da crise detonada pelas denúncias do “mensalão” sobre as pretensões re-eleitorais do presidente Lula.

Pesquisas apontam dificuldades para cenário re-eleitoral do presidente Lula Read More »

A galinha brasileira ainda tem muito o que voar para que o país atinja o mínimo

O governo Lula está diante de um problema importante: precisa que haja crescimento econômico vigoroso em 2006 para aumentar suas chances re-eleitorais. Todavia, a profundidade da crise política ocorrida em 2005 fez com que o Banco Central aparentemente exagerasse na dose do remédio dos juros. Com isso, houve queda acentuada do PIB no terceiro trimestre de 2005, o que compromete o crescimento futuro. Se o crescimento vier pequeno, fica abalado o discurso do governo.

A galinha brasileira ainda tem muito o que voar para que o país atinja o mínimo Read More »

Agora, não dá mais para fazerum "acordão" e terminar tudo em pizza

Com a descoberta de que o esquema chamado pela imprensa de “lavanderia do Marcos Valério” tinha sido usado também na campanha eleitoral do ex-governador e hoje senador mineiro Eduardo Azeredo, presidente do PSDB, começou a ser disseminada, na semana que passou, a impressão de que a crise política havia atingido o seu ápice e, a partir daí, começaria a refluir, sinalizando para um acordo que levaria à não punição dos culpados. Uma análise um pouco mais cuidadosa e menos apressada leva a conclusões opostas.

Agora, não dá mais para fazerum "acordão" e terminar tudo em pizza Read More »

A democracia brasileira precisado PT como um partido político forte

Numa das grandes enchentes do Rio Capibaribe que assolaram a cidade do Recife na década de 1970, o empresário do comércio de tecidos Luiz Gonzaga de Lima Borges, chamado por familiares e amigos de Dosa, transferido de sua casa térrea no bairro da Tamarineira para o primeiro andar de uma casa vizinha, impressionado com a força e altura das águas que invadiam a rua, ia freqüentemente à varanda, olhava a devastação, e repetia um chavão bem ao gosto da imprensa da época:

A democracia brasileira precisado PT como um partido político forte Read More »

Ainda não é possível caracterizar ocenário mais provável para o governo Lula

Quando o deputado Roberto Jefferson resolveu puxar, na tentativa de desviar a atenção das acusações que lhe estavam sendo feitas, o fio do “mensalão”, ninguém tinha idéia da dimensão do novelo que está sendo desenrolado à vista de todos. Um novelo cuja extensão, inclusive, ninguém ainda é capaz de prever.

Ainda não é possível caracterizar ocenário mais provável para o governo Lula Read More »

Três cenários possíveis sobre aevolução da grave crise política atual

William Waack, jornalista da Rede Globo e âncora do excelente GloboNews Painel, na abertura do programa do último final de semana, comentou que quando a atual crise política começou ela produzia fatos importantes a cada mês, depois passou para cada semana, depois para cada dia e, agora, dá a impressão de produzir fatos novos a cada hora.

Três cenários possíveis sobre aevolução da grave crise política atual Read More »

Não é hora de descrer da políticamas sim de exigir uma reforma efetiva

Independente da descoberta e da punição dos culpados pelas recentes malfeitorias políticas investigadas pela CPI dos Correios e diversas outras sindicâncias paralelas no âmbito dos poderes legislativo, executivo e judiciário, é indispensável, como assinalado no Gestão Hoje anterior (número 540), aproveitar a crise para avançar na melhoria do arcabouço político do país.

Não é hora de descrer da políticamas sim de exigir uma reforma efetiva Read More »